Universidade :Funcionário exige 200.000$ Por Password

Início/Curiosidades, Notícias/Universidade :Funcionário exige 200.000$ Por Password

Ser despedido não é um assunto fácil de digerir, muitas coisas podem ocorrer na hora,  raiva,  frustração e injustiça.

Mas na mente deste Administrador que possuia a única password decidiu bloquear uma Universidade inteira aos seus conteúdos didácticos e que pede agora uma quantia módica de 200 mil dólares.

A universidade que dependia de uma só password

A universidade que dependia de uma só password

Tudo começou na Universidade ACE (American College of Education) desde meados de ano passado a instituição começou a restruturar o quadro de empregados,  afetando principalmente a área das Tecnologias e serviços de Web.

Desta Área,  foi despedido o funcionário Triano Williams, insatisfeito com a decisão da direcção,  salvaguardou em sua posse todas passwords da instituição , bloqueando assim todas as funções online da mesma,  todos os alunos ficaram assim impedidos de aceder a plataforma online.

É muito típico muitas instituições quando começam em planeamento de cortes,  gerir os quadros dos seus funcionários,  extinguir serviços que dão pouco lucro ou prejuízo.

Mas a decisão da instituição  foi começar pelos cortes de recursos humanos e despedindo a equipa de TI da Universidade.  No fim só sobrou Williams,  a única pessoa com a password da Instituição-  despedido no fim dos ajustes universitários, Williams injustiçado apoderar-se da se da password,  a direcção  só se apercebeu do fato quando nos dias seguintes os alunos não conseguiam estudar os seus conteúdos do website por estarem bloqueados.

A ACE pensou de tratar apenas de alguns utilizadores que mudaram e esqueceram a password,  mas o problema persistiu e tentaram aceder á conta principal da Universidade para gerir o problema,  mas foram barrados e com um grande problema em mãos na altura em que os alunos iniciavam sua atividade escolar.

Por causa da Password, caso reviravolta em tribunal

Por causa da Password, caso reviravolta em tribunal

A primeira solução da ACE (universidade) foi contatar a Google a devolução da password,  a companhia recusou,  a segunda e última solução contratar Williams novamente para gerir a rede universitária,  mas esta era uma história longe de acabar, Williams através de Advogados e processos juridicos exige á Universidade uma carta de recomendação e 200 mil dólares.

A instituição procedeu com o caso judicial e seguiu-se algumas reviroltas,  inicialmente nos primeiros processos,  Williams defendeu que tinha devolvido o portátil em que trabalhava á Universidade em Maio de 2016, nele continha as passwords salvaguardadas da Instituição,  também referiu que ele seus colegas de Trabalho sofreram de Discriminação racial,  defendendo assim sobre as suas acções contra a Universidade.  Num dos processos um Juíz ordenou que Williams pagasse uma quantia de 250 mil dólares á universidade pelos danos provocados á instituição,  revirando a História de quem deve pagar – ainda se esperam mais desenvolvimentos jurídicos sobre o desenlace final.

Contudo,  a Universidade conseguiu contatar novamente a Google,  desta tiveram acesso a uma nova password que permitiu o funcionamento dos seus serviços online. Moral da história : Nunca deixa as passwords em nomes dos funcionários mas sim da instituição,  haver mais de uma pessoa que pode aceder á conta principal e tratar sempre com dignidade os seus funcionários.

Siga-nos e ajude-nos a crescer:
2017-05-29T01:35:17+00:00

Gosto do Blog? Ajude-nos a crescer...